Clareamento


Para fazer o clareamento dental é preciso uma indicação precisa. Fazer o procedimento quando realmente é necessário.

As indicações podem ser por manchas causadas por corantes (café, chá), manchas do próprio dente (uso de antibiótico durante a infância) ou ainda quando o dente está escurecido por ter passado por tratamento endodôntico, que é o tratamento de canal.
O clareamento é feito a partir de gel oxidante que libera oxigênio e penetram na intimidade do esmalte e da dentina e clareia a pigmentação.

Existem duas maneiras de fazer este procedimento: no consultório e de uso doméstico. O mais indicado é fazer no consultório, pois há um maior controle na quantidade do agente clareador usado e maior proteção dos tecidos adjacentes uma vez que estes produtos quando aplicados incorretamente podem causar injúrias à gengiva, por exemplo.

Por este motivo, é preciso muito cuidado ao experimentar produtos do tipo vendido em farmácias ou supermercados. Às vezes, estes produtos são usados sem cautela ou ainda sem indicação precisa podendo causar algum tipo de dano ao dente e aos tecidos da boca.


Quanto tempo dura o clareamento dental?


Depende. Depende dos hábitos e do tipo de mancha de cada pessoa. Quem ingere mais corante (refrigerante, chá ou café) tem probabilidade de efeito menor.


Cuidados ao fazer clareamento
- Não usar corantes
- Não fumar

Cuidado após o clareamento
- Não fumar.
- Não ingerir corantes do tipo refrigerantes escuros, chá, café, vinho.
- Depois de uma semana você pode voltar a sua rotina alimentar.

  Voltar

CMF -  Avenida Ibirapuera, 3.493 - Moema - Tel. 5041-0820 / 5041-6851 -  Todos os direitos reservados. © Copyright 2004